9 de janeiro de 2015 Departamento de Dados e Estatísticas

A DINÂMICA DOS FLUXOS DOS CANAIS ARTIFICIAIS E A QUALIDADE DAS ÁGUAS NO BAIXO CURSO DO RIO PARAÍBA DO SUL

Apresentado originalmente no VI Congresso Iberoamericano de Estudos Territoriais e Ambientais, realizado na Universidade de São Paulo (USP), entre os dias 08 e 12 de setembro de 2014, aborda uma discussão sobre os canais da Baixada Campista, construídos a partir da década de 1940 pelo extinto Departamento Nacional de Obras e Saneamento (DNOS), no qual a direção do fluxo superficial das águas e seu reflexo no rio Paraíba do Sul é a temática central desta pesquisa.

A dinâmica dos fluxos dos canais artificiais e a qualidade das águas no Baixo curso do rio Paraíba do Sul (2)